Silval Barbosa deve cobrar mais compromisso do PR

Em resposta a afirmação do presidente do diretório regional do PR, Wellington Fagundes, que os republicanos têm nas coligações para as disputas aos cargos de deputados estaduais e federais, fator condicionante para apoiar Silval Barbosa, o deputado Adalto de Freitas Filho- Daltinho (PMDB) declarou que “os partidos têm autonomia para escolher o caminho que melhor convier”. E segundo o deputado peemedebista, “Welligton Fagundes está passando do limite, ao cobrar que Silval Barbosa enquadre o PMDB à coligar com o PR na chapa proporcional”. “O PMDB está aberto às discussões, porém não aceitará imposição”, deixou claro o deputado Daltinho. “A autonomia dos partidos não pode ser desrespeitada, e imposições não funcionam”, defendeu Daltinho. “Os partidos lutam para chegar ao poder e defender seus programas e ideais”, pontuou o parlamentar. “Mas aqui no estado estamos vivenciando uma situação inusitada, pois mesmo o governador sendo do PMDB, não há indicações nossa no governo”, enfatizou Daltinho. “Essa é uma demonstração de desprendimento do partido, abrindo mão do direito legítimo de comandar o governo, para facilitar a composição do arco de alianças”, citou o deputado. “Os privilégios do PR no governo foram mantidos e Wellington ainda quer ditar ordens”, contestou, afirmando que “o PR quer que o PMDB aceite o inaceitável, que é ficar submisso aos interesses dos republicanos, não bastassem todos os privilégios dos republicanos na máquina do governo”. Para o deputado Daltinho, antes de o governador buscar viabilizar a composição na proporcional do PMDB e PR na chapa proporcional, como quer Welligton Fagundes, compete a Silval Barbosa cobrar mais compromisso dos republicanos pela participação no governo. “Cabe ao governador avaliar se está recebendo do PR as contrapartidas à altura dos privilégios concedidos aos republicanos”. Entendo que “exigir que o PMDB aceite a coligação na chapa proporcional, como condição para apoiar a candidatura majoritária do PMDB ao governo, não corresponde ao apoio que o PR recebe do governador Silval Barbosa”, afirmou Daltinho.

Pármenas Alt28,044 Postagens

A estrada é longa e o tempo é curto. Não deixe de fazer nada que queira, mas tenha responsabilidade e maturidade para arcar com as consequências destas ações.

Deixe um comentário