Mulher corta pênis e testículos de namorado com tesoura de jardinagem e é presa

A polícia investiga se a ação ocorreu como uma defesa de Brenda Barattini, que fora vítima de ataque, ou se é consequência de uma brincadeira sexual

A arquiteta Brenda Barattini, de 26 anos, foi presa ONTEM segunda-feira (27) acusada de cortar o pênis e os testículos de seu suposto namorado com uma tesoura de jardinagem. De acordo com o portal britânicoDaily Mail, a mulher atacou o homem de 40 anos na manhã de domingo (26), na cidade de Córdoba, na Argentina.

O homem, identificado como Sergio F. pelo portalMetro, foi levado ao hospital pouco tempo após o ocorrido. Todas as tentativas para preservar seus órgãos sexuais falharam, e agora, ele permanece internado com um quadro clínico estável. A polícia está investigando o caso, que conta com diferentes versões para explicar o que motivou Barattini a cortar opênisdo homem.

Segundo o advogado da vítima, o incidente aconteceu durante uma "brincadeira sexual". Por outro lado, o representante oficial da arquiteta nega esta versão e explica que tudo ocorreu após Sergio atacá-la. “Existe uma justificativa para o que aconteceu. A informação que eu recebi é de que ela foi a vítima de um ataque sexual”, Carlos Nayi, advogado da argentina, declarou.

Segundo Nayi, eles nem mesmo seriam namorados. Amigo do irmão da jovem, Sergio estaria no apartamento de Brenda para buscar um instrumento musical emprestado. Porém, ele teria aproveitado o momento para atacá-la sexualmente, e para se defender, ela usou umatesoura de jardinagem.

O outro lado

Eduardo Perez, contudo, explicou que “eles estavam no meio da ação. Ele não estava dormindo. Os dois começaram um jogo no qual Sergio estava vendado”. Seria possível comprovar esta teoria por meio de evidências encontradas no apartamento.

A promotora Bettini Croppi disse que, no momento, só pode garantir que os danos sofridos por Sergio foram muito sérios. “É muito provável que ele tenha perdido sua habilidade de ter filhos”. Além disso, ela confirmou que os dois envolvidos se conheciam, porém, ainda não se sabe se estavam ou não em umrelacionamento amoroso

Barattini passou por uma série de exames para determinar se ela foi estuprada ou assediada. Agora, é preciso esperar tanto o resultado destes procedimentos quando o laudo de um teste psiquiátrico para que o julgamento do caso do pênis cortado prossiga.

Link deste artigo:http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/mundo-insolito/2

Pármenas Alt28,044 Postagens

A estrada é longa e o tempo é curto. Não deixe de fazer nada que queira, mas tenha responsabilidade e maturidade para arcar com as consequências destas ações.

Deixe um comentário